Domingo, Dezembro 4Bem-vindo

Impostor

Impostor, Aquele que se faz passar por quem não é, infiltrado que pretende utilizar o exercício de funções ou uma profissão ou atividade para esconder as suas actividades criminosas.

Normalmente o político, o magistrado, o advogado ou o polícia que através do seu cargo e estatuto simula o exercício de funções para acusar e condenar, e caluniar ou assaltar um inocente com ordens ilegítimas, taxas e penhoras falsas. Mas o exercício de funções só existe no cumprimento do estatuto geral do funcionário público e do estatuto de profissão específica, de modo que ao praticar uma ilegalidade contra alguém o ato está fora do exercício de funções e passa então a ser um crime de abuso de poder e sempre para atingir crimes mais graves.

Partilhe a informação: POVO INFORMADO JAMAIS SERÁ ESCRAVIZADO.