Domingo, Dezembro 4Bem-vindo

Verdades Ideológicas DICIONÁRIO PENAL

Verdade ideológica, meia verdade ou omissão de uma parte dos fundamentos, realidade ou compromisso apenas vividos pelo agente ou por uma certa cultura, ou raça, ou que representa um interesse particular ou colectivo de uma organização ou empresa, ou seja, é uma ideia egoísta ou escondida (antes de ser confrontada com outros direitos, culturas e observações, conhecimentos, verdades e direitos de outras pessoas), agnosticismo e budismo, falta de contraditório e o uso da analogia nas decisões, com um pensamento privado ou colectivo e cultural.

Cada pessoa ou entidade colectiva ou partido político tem a sua verdade ideológica, pode significar a verdade particular de cada uma das partes em conflito porque cada um tem a sua ideia ou interpretação sobre as coisas, os acontecimentos e direitos, ou então a intuição individual ou colectiva das pessoas que usam meias-verdades, meia-legalidade, normas-ideológicas ou analogia, obscuridade ou o uso de chavões em vez de fundamentos para esconder a realidade e a manipulação programada, um comportamento ou do grupo estereótipo (exemplos: racismo, direita, fascista, trabalhadores, liberdadeigualdade, etc.). Tal serve para atingir a boa-fé e os bons costumes, são intenções sob a capa de fé-pública em declarações à imprensa e nas decisões judicias ou administrativas, também por motivo histórico, racial, idealista ou egoísta (os chamados chicos-espertos que querem enganar e apoderar-se dos bens dos outros por falso direito, ou que em vez de solicitarem ou de respeitarem o consentimento executam as coisas directamente, sem contraditório, nomeadamente o agnosticismo e o pluralismo em qualquer raça, portadores da doença do esquerdismo ou do egoísmo, consoante o seu grau – em direito penal é chamado o grau de culpa). Uns podem matar por encomenda sem escrúpulos, outros apenas fazem usura, consoante a sua capacidade de entendimento, educação ou constrangimento derivado do sentimento de culpa, dúvida sobre a crença religiosa ou receio de serem apanhados.

Ver também “Normas Ideológicas” »

Partilhe a informação: POVO INFORMADO JAMAIS SERÁ ESCRAVIZADO.