Quarta-feira, Outubro 5Bem-vindo

SE A COBARDIA É PUTIN A DA EUROPA É MAIOR

Faz lembrar o Comunistas em Portugal: Financiados pela UE e pelos EUA, os fundamentos são sempre falsos, condenam em tribunais onde as acusações e sentenças são manifestos (não há contraditório e com apoio dos polícias corruptos e através da falsificação das sentenças), atacam sob a capa de fé-pública com apoio do Presidente da República, sempre o mais fraco e nunca corpo a corpo.

Faz lembrar a suposta pedofilia religiosa na Igreja Católica Comunista, a partir de 1974, em que a entidade difunde o bem mas a prática é o pior mal.

Enfim, são os políticos e os condecorados, aparecem como fé-pública na TV e comentadores, mas são activistas psicopatas, até os comandantes dos bombeiros, ou seja, comunistas.

Descentralizam os direiros do Povo para abandonar funções e centralizam os seus deveres para capturar e negar as actividades.

Se uma guerra é feita à distância e pelo poder político sem aprovação do Povo, isso é a prova da culpa e da cobardia, já que em Democracia o direito dos políticos agirem se conquista pelo voto dos interessados.

Se na Ucrãnia estivesse a América, ou a França, ou a Alemanha, os Russos nunca iriam começar a guerra, nem com aleados escondidos (as sombras) mas activos e sem pedir autorização às Nações Unidas.

Há uma ligação de dependência entre a Guerra e os interesses do Comunismo (os autores do Nazimo) para dominar o Mundo através de ideologia e não de Verdades Legítimas (Rússia, China, Cuba, Angola, etc.). A NATO NÃO PODE SER UMA FORÇA IDEOLÓGICA MAS A INDEPENDENTE FORÇA GLOBAL DOS DIREITOS LEGÍTIMOS!..

Eis a prova da cobardia: O Motivo da Rússia é Falso.

PARA OS DEMOCRATAS OU TERRORISTAS A DEMOCRACIA É ESCOLHER O QUE LHES INTERESSA, O QUE NÃO INTERESSA AOS POLÍTICOS MAS AO POVO JÁ NÃO É DEMOCRACIA.

AS NAÇÕES UNIDAS JÁ PROÍBIRAM? A NATO JÁ PROÍBIU? O TRIBUNAL INTERNACIONAL JÁ PROÍBIU OU AMEAÇOU? QUAL A ENTIDADE OU PAÍS QUE PROÍBIU PUBLICAMENTE A INVASÃO DA UCRÃNIA?

POQUE É QUE NA EUROPA O MAIS MPORTANTE NÃO EXISTE OU COMEÇA PELO FIM? PORQUE É QUE PRIMEIRO VEM A ADESÃO E SÓ DEPOIS A DEFESA?

NÃO SÃO ESTAS CONTRADIÇÕES O MOTIVO DAS GUERRAS?

PORQUE É QUE SOMOS GOVERNADOS POR PSICOPATAS?

PORQUE É QUE KATALIN NOVAK É O MAIS RACIONAL MAS ATACADO POR MACACOS?

EM VERDADE VOS DIGO O COMNUNISMO É UMA ESTRATEGIA DE GUERRA, OS SOCIALITAS O SEU GOVERNO E A DEMOCRACIA O SEU POISO!..

É PRECISO AFASTAR OS PSICOPATAS ATRAVÉS DE UMA LEI QUE RESTRINJA A CANDIDATURA A PESSOAS INCAPAZES.

PORQUE É QUE KATALIN NOVAK É O MAIS RACIONAL MAS ATACADO POR MACACOS?

Sim é verdade que a invasão negra por motivos de direito, ou invasão comunista é uma estratégia de guerra dos psicopatas, porque o primeiro direito é a sustentabilidade dos provos e da sua economia.

Tal como diz Novak, não é pois uma questão de racismo mas sim de responsabilidade pela sustentabilidade, uma vez que uma sociedade pluralista é uma sociedade de guerras sem fim porque tudo o que não é relativo não existe.

Em primeiro lugar cada povo tem direito a uma vida calma, em paz e com tempo para criar coisas e estudar os problemas, o que que apenas existe se cada um tratar do que é seu e sem nenhuma invasão, cujos motivos são falsos.

África apenas gosta da invasão Russa e Chinesa, ou seja, do Comunismo, já que outras invasões não não são direitos (no Mundo só os comunistas ou terroristas têm direitos, daí a prova da autoria da escravatura, dos atentados e das guerras).

Alguém sabe o que é a Legitimidade?

Legitimidade, significa que a preetensão de alguém se fundamenta num direito maior em relação a outro, quer em qualidade e quer em quantidade. Por exemplo, imaginemos que a Rússia teria legitimidade para invadir a Ucrânia, contudo a invasão não pode ser realizada através de cobardia (bombardeamentos), porque isso significa de imediato que a guerra se dá apenas porque o outro é o mais fraco e não por fundamentos legítimos.

Numa guerra os fundamentos são os maiores deveres sobre os maiores direitos, ou seja, a guerra é corpo a corpo e não há distãncia.

Se uma guerra é feita à distância prova-se assim a culpa e a cobardia por meio abstracto (antes de provar a culpa).

Se na Ucrãnia estivesse a América os Russos nunca iriam iniciar a guerra porque são cobardes. Desde sempre os Russos atacaram os mais fracos, com fundamentos falsos e não por ilegitimidade?

Não é por acaso que no terreno caem por terra perante a coragem do bem.

O COBARDE E OS CÚMPLICES

A NATO TEM DE MUDAR DE NOME E NÃO PODE SER UM SISTEMA POLÍTICO MAS UMA VERDADE INCLUSIVA.

Não haverá mais oportunidades para transformar a NATO numa inclusão com todos, através do direito à guerra quando haja autorização da maioria absoluta. E só a Nato, com outro nome, pode definir e intervir onde quer que seja, por ordem das Nações Unidas.

Porque, entre a verdade ideológica de um e a verdade ideológica de outro, ou entre dois direitos, está a legitimidade ou direito maior, e este é a maioria quando é absoluta, bastando que não exista para não se altere a lei ou o direito.

Fundamentos falsos?

“O presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse nesta quarta-feira que o Ocidente não pode oferecer ao mundo seu modelo de futuro e que uma nova ordem mundial “mais justa” está sendo criada.”

Pergunta: Então uma ordem justa é feita por bombardeamentos e não pela legitimidade em coligação com a opinião de todos, e o Direito e a Lei numa autorização global

“Esta nova ordem mundial, segundo o líder russo, está chegando para substituir um mundo unipolar que, “por sua natureza, está retardando o desenvolvimento da civilização”.

Resposta: Sim é verdade, daí os aliados africanos, mas a desigualdade é natural e sempre o foi e será.

O bem faz-se pelo mal dos outros ou através da acção comum?

Acaso a Rússia lançou o repto publicamente e houve uma reunião nas Nações Unidas e esta aprovou a Guerra, ou foi uma decisão autista?

Então a desigualdadedireito à invasão negra da Europa e ao extermínio do Branco, através dos fundos desviados da UE?

Alguma vez a Ucrânia pode controlar o Mundo através dos cereais?

Será que os Povos não têm direito à sua própria produção?

Na verdade as desigualdades vêm do controlo do Mundo através dos anti-xenófobos, embora a Xenofobia seja um direito natural.

Ou seja, os Comunistas são anti-xenófobos, criam o controlo do Mundo ao centraloizar a produção no Ocidente, mas imputam a culpa aos outros e os outros são o próprio Ocidente onde os Comunistas mandam em tudo na sombra.

Putin diz que está sendo criada uma nova ordem mundial “mais justa”…

Mas quais as bases dessa justiça em concreto?

1. A ordem mundial para ser justa tem de ser preta e feita por bombardeamentos aos vizinhos?

2. Putin manda em África ou o contrário, NÃO SERÁ QUE PUTIN É ASTUCIOSAMENTE ENGANADO POR INICIATIVA DOS NEGROS E EXECUTA AS SUAS ORDENS ATRAVÉS DE FACTOS FALSOS?

3. Por que só onde há negros há terrorismo, droga, guerras e facadas?

4. Há Constituições falsas e leis falsas no Ocidente, quais são e quem são?

5. Só através de leis falsas e de ditadura há estados falsos e ditadores criminosos, não será o Comunismo a ditadura da desigualdade e ao mesmo tempo a propaganda da igualdade, como método de enganar o Povo?

6. Porque é que o Comunismo se baseia em ideias /chavões e activistas para lançar a desordem e nunca quer saber do contraditório, da prova dos factos da autoria e em comparação com a lei?

7. Porque é que em Portugal os tribunais comunistas são a rectaguarda dos seus próprios actos e onde têm uma lei própria e não há contraditório e direitos?

8. Porque é que a corrupção e a impostura reina nas autarquias Comunistas e nos tribunais comunistas, é essa a ordem mundial da justiça de que Putin fala (sem ouvir os outros e sem lei)?

9. Porque é que só onde há comunismo há impostos estranhos e em excesso?

10. Porque é que só há incêndios no Ocidente comunista, em África, Colômbia, Rússia… não há alterações climáticas nem comunismo?

11. Porque é que para os comunsitas quer a pobreza e quer a riqueza são sempre o mal, embora em contradição?

12. Porque é que só onde há comunismo há atentados terroristas e falta de tolerância?

13. Porque é que os comunistas negros podem gozar com o PAPA CATÓLICO e os outros não podem gozar com o PAPA MUÇULMANO?

RESPOSTA:

É QUE O BEM NUNCA LEVA A MAL E SABE O QUE É A IGNORÂNCIA, A FALSIDADE E O FACILITISMO OU CORRUPÇÃO, QUE SÃO AS ARMAS DO COMUNISMO.

Será que Putin sabe o que é a ilicitude?

Ilicitude, é a designação usada para classificar as categorias dos factos proíbidos ou que podem representar a culpa, são essencialmente as condutas contra os direitos de outrém em que o nexo de causalidade tem forma de crime (há autoria, cumplicidade ou comparticipação em factos ilícitos): Não exercer um direito, nem a legitima defesa, nem uma ordem legitima e sem consentimento (a defesa com ataque é legítima quando não se é o autor dos factos que a determinaram).

Ao contrário do que se diz, a ilicitude não é violar a lei, porque a lei pode ser violada se o acto ilegal for cometido por direito ou legitimamente, o que não se pode é violar em primeiro lugar os direitos previstos na lei. Por exemplo, o Juiz tem o direito de julgar mas tem de julgar ao mesmo tempo pela lei, considerada na sua totalidade, e contra quem violou a primeira vez um direito em todo o acontecimento (quem, como autor, saiu da sua liberdade possível em relação a outrém e por isso o prejudicou por motivo considerado como não sendo um direito). Destarte violar um direito é em primeiro lugar não praticá-lo em si mesmo.

Uma conduta é punível ou proíbida quando não há direitos ou causas que a possam excluir, ou toda a conduta que, independentemente de ser legal ou ilegal segundo a verdade ideológica do agente, a lei define como proíbida porque leva ao cometimento de factos contra os direitos humanos, designadamente o que não aprovamos que nos façam a nós mesmos: Não agir em legitima defesa de si mesmo ou de outrém, não exercer um direito, não cumprir um dever legal ou uma ordem legítima da autoridade, agir sem consentimento, agir sem uma causa justa ou necessária, ou, existindo alternativa, não cumprir um dever legal.

A ilicitude não é directamente o mal, mas sim o seu agente (a conduta que, tendo uma forma de crime e sendo ilicita, tem um agente é doloso), pois sem o dolo não podemos confirmar se a conduta é maldosa em termos subjectivos ou em relação ao agente. Ou seja, o dolo se refere à forma de crime e nem à ilicitude, mas sim à moral do agente (nomeadamente à sua intenção, à sua conduta e à sua conformação).

Em suma, os fundamentos de Putin são falsos, mesmo que por erro de interpretação, o que leva a supor que se trata de uma manobra destinada a esconder o que actualmente se vem sabendo sobre o que tem feito o Comunismo no Mundo, descobrindo-se, pela Teoria de Tudo, que só há um autor de todos os atentados terroristas em toda a Terra: Os Comunistas.

Em Portugal o Comunismo ataca as populações sob a capa de fé-pública, numa psicopatia colectiva, onde os fundamentos são sempre falsos porque não sabe o que é real, apenas o que lhes vem à cabeça.

Esta é a doença mais perigosa da humanidade: Os autistas na política e o seu método colectivo de manipular o entendimento através de verdades ideológicas únicas ou manifestos.

Os manifestos são a prova do autismo ou doença do esquerdismo (fazer tudo ao contrário e apenas contra os bons), como querem ser livres e não subjugados ao Direito, pelo mal perseguem o bem.

Ou seja, os Comunistas perseguem e matam simplesmente pela sua verdade única e porque se reúnem em foça colectiva como as alcateias de lobos, mas a culpa é de outrém.

Em Portugal, nas Autarquias, os Comunistas mandaram gasear a população para capturar a política, as atividades e empresas e, dessa forma, o território para o Nazismo Negro, e através da alimentação e simulação de acidentes e de rixas, colocando em todos os lugares os seus migrantes ou mercenários do Socialismo, sob o fundamento falso da população envelhecida e da necessidade de mão-de-obra, e especialmente nos tribunais e hospitais, como meio de rectaguarda de todos os seus atentados e para escolher a prioridade de atendimento.

Em Portugal os migrantes entram para substituir a população (novos nomes), daí que ficam recenseados directamente (com direito a voto), o que prova a intenção de extermínio, embora sem fundamento Constitucional legítimo.

Portugal é a maior força do mal no Mundo, onde tudo se paga e as leis são direitos obrigatórios (o nazismo ou exterminio por direitos inventados, que ninguém do Povo pediu pois é uma causa política e muito embora a Cosntituição diga que o Estado representa o Povo e não os seus interesses), e onde o Comunismo dos Costas negros, ou Sombra, se instalou através do Socialismo (os chefes comunistas ali escondidos).

A realidade certa é que os negros na política serão sempre autistas e, as suas pretensões, são ilegítimas porque a história nunca é real e uma vez que nunca apenas uma raça é o mal sem o apoio de outra e entre dois continentes há sempre uma conspiração conjunta.

Se uma guerra é feita à distância prova-se assim a culpa e a cobardia, já que os direitos se conquistam corpo a corpo, pela coragem do bem, e não por estratégias ou sombras.

“Em verdade vos digo:

Até a verdade tem de ser justa e assim nunca se faz o mal por ser pobre…

Porque o pobre bom e o rico bom se esforça pelo bem e o pobre mau e o rico mau se esforça pelo mal

… Nunca se faz o mal por ser pobre, perseguido ou rico, mas tão só quando se é o próprio mal

Se fosse legítimo fazer mal por ser pobre, todos seriamos o mal, porque a sociedade é indivisível (tudo o que não é relativo não existe)…

Porque o mal é a culpa ou dolo, mas numa das formas de crime (autoria, cumplicidade e comparticipação), por qualquer meio, e só quando tú és a ilicitude ao não teres o cuidado de estudar, avaliar ou de condenar aquele a quem pertence a autoria

E não há maior culpa do que a negligência dolosa…

Pois não basta alegar a culpa por ideias ou chavões astuciosos…

Pois não é o filho a culpa do pai e nem o futuro a culpa do passado…

A culpa são factos dolosos com autoria e ilicitude por ti mesmo…

E nem a guerra se faz à distância como culpa e cobardia juntas…

Numa guerra que não existe os fundamentos são os maiores deveres sobre os maiores direitos…

Destarta que os direitos se conquistam corpo a corpo porque só a equidade é justiça (não é a sombra de uma conspiração, por pessoas, entidades ou políticas)…

Tudo o que não é relativo não existe e eis a prova que mostra a sombra, pois não basta ver, é preciso saber porque acontece…

E quem não quer saber porquê mostra-se a si mesmo e à sombra protectora…

Quem não quer saber é autista, o tal indiferente ou psicopata que aceita tudo como natural e como direito. É por isso que faz o que o interessado só autorizaria por legitimidade ou reconhecimento do erro, ou seja, sem ter oportunidade para rectificar um erro provado, com motivos de facto e de direito em nexo de causalidade adequado, e com outros observadores atentos, um direito reivindicado ou um ataque será sempre sempre ilegítimo porque daquela forma não existiria…

Pois tudo tudo o que não é relativo não existe ou o a causa ou culpa só existe até ser mostrada”.

Partilhe a informação: POVO INFORMADO JAMAIS SERÁ ESCRAVIZADO.

Deixe uma resposta